Fórum da Nossa Aldeia Global
Fórum
 

Fórum da Aldeia Global

Limpesa de Circuitos de Refrigeração


[Respostas] [Responder ao autor] [Colocar nova mensagem] [Ajuda]

Colocada por: José de Castro (Instrutor do SENAI-BA) em 04 de Novembro , 1999:

Senhores, parabéns pela página e segue a minha primeira contribuição.

LIMPEZA DE CIRCUITOS FRIGORÍGENOS

Limpar o Circuito Frigorígeno é um processo de importância fundamental em refrigeração e condicionamento de ar, que consiste em manter os cicuitos livres de contaminação.
Os circuitos Frigorígenos atuais usam motocompressores que trabalham com altas rotações, elevadas temperaturas e pequenas tolerâncias. Assim, a contaminação dos sistemas deve ser evitada a todo custo. Os principais causadores de problemas são:

a) Ar;
b) Anti-congelantes (álcool metílico, “dryzon”, etc);
c) Fluxo de Solda Pastoso;
d) Solventes Clorados (tricloroetileno, tetracloreto de carbono, etc);
e) Óxido de Ferro Vermelho (Fe2O3);
f) Óxido de Ferro Preto (Fe2O4);
g) Óxido de Cobre Preto (CuO);
h) Fragmentos Metálicos e Impurezas.

A combinação dos elementos relacionados com o óleo, fluidos refrigerantes e altas temperaturas provoca os seguintes transtornos:

a) Sedimentação Carbonosa do Óleo: consiste da decomposição do óleo onde o resultado é uma massa escura e viscosa (lama) que tende a inutilizar telas, filtros e sistemas de lubrificação. Não raro, ocorre gripamento da bomba de óleo e mancais. A decomposição do óleo é maior quanto maior forem as temperaturas, quantidades de ar, água e impurezas no circuito;

Os meios de evitar a sedimentação carbonosa do óleo são:
 Uso de óleo de refrigeração adequada;
 Sistema isento de ar;
 Sistema Limpo e seco;
 Operação com temperaturas adequadas.

b) Corrosão: novamente, altas temperaturas, ar, água e impurezas como ácidos, pasta de solda, álcool metílico, etc., são fatores que aceleram o processo de corrosão dos circuitos de refrigeração. Os meios de atenuar a corrosão são:
 Dimensionamento adequado dos Condensadores;
 Vazão de ar e água de condensação adequada;
 Condensadores mantidos limpos e desobstruídos;
 Regulagem adequada da válvula de expansão para limitar o superaquecimento;
 Baixa taxa de compressão;
 Conservar os sistemas limpos e secos.
c) Plaqueamento de Cobre: é o resultado de duas reações separadas. Na primeira o óleo de má qualidade ou contaminado dissolve o cobre, óxido de cobre existente em solução com óleo sobre mancais, selos de eixo, placas de válvulas e outros pontos onde as temperaturas são elevadas. A precipitação é facilitada pela ocorrência de altas temperaturas ou existência de água, ar, álcool, etc. Os meios de evitar o plaqueamento de cobre são:
 Circular Nitrogênio Seco nas tubulações durante as soldagens;
 Não usar filtros que contenham celulose (papel) ;
 Evitar contaminar o circuito com pasta de solda, solventes clorados e outros elementos que possam formar sais de cobre;
 Usar óleo de alta qualidade do tipo e viscosidade apropriados;
 Evitar elevadas temperaturas de operação.

d) Queima de Motores: basicamente se classifica a queima de motores dos compressores
em moderada e grave.

 Moderada: os depósitos de fuligem da isolação carbonizada não vão alem do motocompressor. Normalmente ocorre na partida e é constatada observando-se os tubos de sucção e descarga próximos ao motocompressor que não devem apresentar muita fuligem e o óleo não deve apresentar típico odor ácido. O estator não deve estar totalmente carbonizado;
 Grave: todo o circuito apresenta espessa camada de fuligens, o que significa que o motocompressor deu várias rotações durante a queima, o estator apresenta-se totalmente carbonizado, o óleo escuro e com odor altamente ácido. Neste caso o fluido refrigerante, com o óleo, contém muito ácido e deve ser manuseado com luvas de borracha para evitar queimaduras nos técnicos envolvidos nos serviços. Em ambos os casos antes do início da recuperação do equipamento é necessário que seja feita minunsiosa investigação das causas da queima;

e) Limpeza dos Circuitos Após Queima com Circulação de Fluido Refrigerante
HCFC-141b ou VERTREL : de modo geral, pressupomos que todo circuito em que
tenha havido queima do motor do compressor, deverá ser limpo antes da instalação do
novo motocompressor. Tanto o HCFC-141b como o VERTREL apresentam alto
ponto de ebulição (32,1oC e 55oC, respectivamente) o que significa que haverá
pequena perda de fluido refrigerante durante a limpeza à temperatura ambiente. O
processo consiste em circular o HCFC-141b ou o VERTREL através do evaporador e
condensador com auxílio de uma bomba , um filtro e um tanque de armazenamento.
Após sucessivas trocas do filtro, o evaporador e condensador estarão limpos quando o
filtro não apresentar mais impurezas. O fluido refrigerante deve ser removido do
evaporador e condensador com nitrogênio seco, o circuito frigorígeno evacuado e
carregado. O filtro secador da linha de líquido deve ser substituído antes da evacuação.
Ligar o motocompressor a plena carga e observar as pressões e a aparência do óleo no
visor bem como se há diferença de temperatura entre a entrada e saída do filtro secador
da linha de líquido. Substituir o óleo, filtros de óleo e de fluido refrigerante sempre que
necessário.


Este processo apresenta as seguintes desvantagens:
 Equipamento de limpeza caro e de grande porte;
 O processo é demorado e durante o processo de limpeza o equipamento permanece parado;
 Permanecem resíduos de carvão em pontos de baixa velocidade do fluido refrigerante utilizado na limpeza;
 Existe a possibilidade de grande perdas de Fluido Refrigerante HCFC-141b ou VERTREL ;

Observação: Os Fluidos Refrigerantes HCFC-141b e VERTREL são os substitutos ao R – 11 para limpeza de circuitos, portanto com a eliminação dos CFC’s, não deve-se mais usar o R – 11.

f) Limpeza dos Circuitos Após Queima com Filtros de Sucção (HH):

 Sem Reaproveitamento do Fluido Refrigerante:

O equipamento com o circuito altamente contaminado não deve ter seu fluido refrigerante reaproveitado. A tubulação para extrair o fluido refrigerante deve ser ligada para fora da casa de máquinas ou de preferência utilizar uma recuperadora, o técnico encarregado dos serviços não deve tocar no fluido refrigerante ou no óleo do circuito que pode conter ácidos que podem causar queimaduras graves.
Deve-se desmontar válvula de expansão, solenóide, visores e outros acessórios e limpálos com fluido refrigerante HCFC-141b ou VERTREL.
Instalar um Filtro de Sucção adequadamente dimensionado o mais próximo possível da válvula de sucção do motocompressor. O Filtro deve ser dotado de registros para tomada de pressão na entrada e na saída. Instalar, ainda, um filtro da linha de líquido maior que o original.
Substituir o elemento secante (cartucho) do filtro de sucção sempre que a diferença de pressão através do filtro atingir 15PSIG (para circuitos com R-22). Ao mesmo tempo, substituir o óleo do motocompressor (semi-hermético) e o filtro secador da linha de líquido.
Quando o circuito não mais apresentar diferença de pressão através do filtro de sucção (abaixo de 2PSIG), recolher o fluido refrigerante no condensador (ou tanque), remover o filtro de sucção, fazer teste de vazamento no lado de sucção e no motocompressor, evacuar o lado de baixa do circuito e colocá-lo em operação definitiva. Nesta ocasião é recomendável que o filtro da linha de líquido original seja instalado, o óleo e filtro de óleo do motocompressor (semi-hermético) substituídos.

 Com Reaproveitamento do Fluido Refrigerante

Equipamentos grandes (acima de 5TR), independentemente do grau de contaminação pode ter o fluido refrigerante do seu circuito reaproveitado.
Fechar os registros de serviço de sucção e descarga do motocompressor queimado, confinando-se assim o fluido refrigerante no circuito. Aliviar lentamente o fluido refrigerante do motocompressor evitando-se contato direto do fluido com a pele.

Remover o motocompressor queimado e instalar um novo. Abrir os registros de serviço de sucção e descarga.
Acionar (l


Respostas:



Responder ao autor

Nome:
E-Mail:

Assunto: Re: Limpesa de Circuitos de Refrigeração

Mensagem:


[Respostas] [Responder ao autor] [Colocar nova mensagem] [Ajuda]

© 1998 aglobal.com